Páginas

sábado, 11 de dezembro de 2010

Daniel Boaventura sem camisa na cama

Márcio Garcia de sunga na piscina

Cauã Reymond de camisola

Diego Alemão sem camisa na praia

Técnico de futebol Leonardo de sunga na praia

Carrie Fisher afirma que John Travolta é gay

Carrie Fisher, a Princesa Leia de "Star Wars" entrou em uma briga essa semana, ao afirmar que seu velho amigo John Travolta é gay, segundo conta o "The Sun".

Os boatos sobre o ator, de 56 anos, já têm circulado há algum tempo, e os advogados dele inclusive tomaram recentemente medidas legais contra o site Gawker, por publicar um nota com especulações sobre sua vida pessoal.

No entanto, em entrevista à revista "Advocate", Carrie foi falando: "O meu sentimento sobre John sempre foi de 'nós sabemos', mas não me importo!", disse. "Olha, eu sinto muito que ele se sinta desconfortável com ele mesmo, isso é tudo que posso dizer", completou.

A atriz ainda acrescentou: "Ele chama mais atenção quando faz esse tipo de confusão jurídica. Basta deixar ser", opinou a atriz. A entrevista segue na linha de comentários que ela fez para outra publicação LGBT, em setembro de 2009.

Questionada sobre a lista de 10 coisas que "os gays devem saber sobre as mulheres", uma de suas respostas foi: "Nós realmente não nos importamos que John Travolta seja gay", disse Carrie, que entende bem dessas questões, já que seu ex-marido, Bryan Lourd, acabou saindo do armário.

Sua alegação surgiu menos de um mês depois que a esposa de Travolta, Kelly Preston, deu à luz ao filho Benjamin - o casal perdeu seu filho Jett depois de ele sofrer um ataque fatal em janeiro de 2009.

Fonte: Ego

O Empresário e apartamento doado do Reynaldo Gianecchini

É essa a cobertura, avaliada em 1,3 milhão de reais, que virou alvo da disputa entre Reynaldo Gianecchini e seu ex-empresário Daniel Ferreira Mattos. O ator entrou com um processo contra Daniel para impedi-lo de vender o imóvel de 245 metros quadrados e reverter a doação feita ao seu ex-agente. Tudo começou em setembro de 2008 quando Giane transferiu a propriedade do imóvel para o nome do rapaz para, segundo ele, vender o apartamento sem que seu nome ficasse exposto. No processo, Giane acusa Daniel de agir de má-fé, valendo-se de  sua suposta inocência para enganá-lo e, através de diversas operações irregulares, apoderar-se do apartamento de fato.

De acordo com a "Veja Rio", a batalha judicial começou em janeiro deste ano, quando o processo foi protocolado no Fórum Cível de Niterói. Segundo um advogado que teve acesso aos autos, Gianecchini diz ter comprado o imóvel em 2006 por R$ 600 mil. Em junho de 2008, ele contratou Daniel e resolveu colocar a propriedade à venda. Vale ressaltar que o jovem, de 30 anos, era maquiador antes de virar representante do vilão de "Passione". Como em três meses nenhum comprador apareceu, o empresário teria sugerido que o ator fizesse a doação, registrada no 14º Ofício de Justiça da Comarca de Niterói em setembro de 2007. A partir desse momento, então, Daniel tornou-se legalmente o proprietário com pleno domínio sobre a cobertura.

Na foto acima, retirada do Facebook, Daniel ao lado de amigas
Em abril de 2009, o empresário teria apresentado uma proposta de compra, feita por uma terceira pessoa, no valor de R$ 550 mil. De acordo com a acusação de Giane, a quantia seria paga em cinco parcelas: uma entrada de R$ 150 mil e as demais no valor de R$ 100 mil. No processo, o ator afirma que passou a receber o dinheiro, mas percebeu que os recursos depositados saíam da conta de sua própria empresa, a Erregedois Produções.  O ator, então, pediu uma reunião com Daniel que, ao ser confrontado com as supostas irregularidades, lhe enviou um e-mail questionando a história toda e dizendo que a propriedade teria sido um "presente", fruto de um "relacionamento" entre ambos. A mensagem eletrônica, segundo a revista, faz parte da ação.

Fonte: Jornal Extra.


Se os boatos forem verdadeiros, Senhor Reynaldo Gianecchini o... é.....bom deixa pra lá...

Pega por trás, levanta, abre a perna e balança

Jogadores comemoram o gol...