Páginas

terça-feira, 15 de março de 2011

BBB 11: Eliéser fica com raiva da Globo e sai em defesa de Rodrigão



Logo após que foi postado ele apagou, pq será?....

Dudu Azevedo tira a camisa

O tanquinho de Jonatas Faro e de Thiago de Los Reyes

Rafael Cardoso exibe um pouco do tanquinho

Ensaio sensual do ator Leandro Lima

Jovem é morto com 30 facadas e tem olho arrancado no Amazonas


Homossexual assumido, o agente de saúde Marlon Neves Gomes, 25, foi assassinado com requintes de crueldade no último fim de semana na cidade amazonense de Anori. O corpo dele foi encontrado em uma quadra de esportes da cidade de 16 mil habitantes na tarde do último sábado, 12, degolado, com 30 facadas pelo corpo e um olho arrancado, além de indícios de violência sexual.

A Polícia Civil prendeu três suspeitos que foram vistos com Marlon na tarde da sexta-feira, 11, e que agora precisam de proteção policial porque a população de Anori os ameaça de linchamento. Eles foram reconhecidos por uma testemunha e são acusados de latrocínio (roubo seguido de morte), mas a polícia também trabalha com a hipótese de motivação homofóbica.

Fonte: Uol

Lady Gaga rompe com empresa que apoia grupo anti-gay


Lady Gaga desfez o acordo comercial com as lojas Target, segundo informações do "Socialite Life". O motivo do rompimento é que a empresa apoia políticos que são contrários ao casamento homossexual. Antes de tomar esta decisão, a cantora exigiu que a rede aumentasse seu apoio à comunidade LGBT(lésbicas, gays, bissexuais, transexuais).

Ainda de acordo com o site, a assessoria da cantora confirmou o rompimento. A empresa Target iria vender versões exclusivas do novo álbum "Born This Way".

Fonte: Globo

BBB 11: Tony Goes: A biba imperfeita


"Adivinhe Quem Vem para Jantar" é um filme clássico dos anos 60, em que uma moça apresenta aos pais seu novo namorado. O cara é simplesmente perfeito: educadíssimo, elegante, um profissional de sucesso, o marido e o genro dos sonhos. Ah, mas tem um detalhe --é negro.

Durante muito tempo, personagens negros na TV e no cinema precisavam ter todas as qualidades possíveis, como que para "compensar" o fato de serem negros. Bastava terem um único defeito, e o autor ou diretor era logo chamado de "racista".

Há poucos anos, o grande Milton Gonçalves foi acusado de trair a causa negra ao fazer numa novela um político corrupto. Milton se revoltou, com toda razão: vilões costumam ser papéis melhores do que santos. Hoje já temos malvados de todas as cores, o que é ótimo.

Algo parecido está acontecendo com os gays. Os primeiros homossexuais que surigiram nas novelas brasileiras eram discretos, inofensivos, quase anódinos. Uma tentativa ultra-válida de mostrar ao grande público que gay não morde, que é "gente como a gente".

Este perfil relativamente manso chegou também ao "Big Brother". Jean Wyllys, o vencedor de 2005, é inteligente, estudado, bem comportado. Não é "fechativo", não ameaça ninguém. Também é feinho --o que impede a mulherada de soltar o clássico "que desperdício!".

Mas o tempo passou e o público evoluiu. Hoje os negros já podem ser maus na TV. Podem ter defeitos --como todo o resto da humanidade, é óbvio. E os gays também.

Daniel é o paradigma desta mudança. Não é espalhafatoso como Dicésar ou Serginho, estrelas do "BBB" do ano passado. Mas também não é nenhum santo.

E isto não parece incomodar o espectador. Pelo contrário: todas as enquetes apontam o pernambucano como um dos favoritos desta edição.

Um cara que bebe, fuma, dá vexame, admite que gosta de drogas e ainda por cima é uma biba assumidíssima, tem grandes chances de sagrar-se campeão e faturar um milhão e meio de reais!

Uma vitória de Daniel será simplesmente sensacional. Sinal de que o Brasil está amadurecendo, e aprendendo a conviver com as diferenças. E de que um gay não precisa mais ser perfeito em todos os quesitos para ser aceito e respeitado.

Ainda é cedo para comemorar, claro. Faltam muitos paredões --e até agora Dani só foi testado uma vez, o que é pouco para avaliar sua popularidade. Mas só fato de de ter chegado tão longe, com imperfeições e tudo, já é uma grande conquista.

Fonte: FolhaOnLine

Modelo mata namorado designer em Maceió após término de namoro


O modelo Frederico Safadi, de 19 anos, está preso desde a última semana em Maceió depois de ter confessado o assassinato de seu namorado, o designer Flavius Lessa, 47, encontrado morto na noite do último dia 4 com uma perfuração no pescoço provocado por uma garrafa quebrada. Frederico foi preso um dia depois, 5, quando a polícia ouviu amigos da vítima que disseram ter visto os dois juntos no dia 4 em uma academia e foram fazer compras em um supermercado em Ponta Verde.

Na mesma noite o corpo do designer foi encontrado perto da fábrica da Coca-Cola de Maceió, na periferia da cidade, com um corte profundo no pescoço, segundo a polícia. Frederico confessou o crime e disse que foi porque Flavius ameaçou falar sobre o relacionamento secreto à namorada do rapaz, mas ainda há uma contradição a ser investigada pela Polícia Civil.

Pessoas próximas à vítima dizem que Flavius queria terminar o namoro e Frederico não aceitava. Já Frederico diz o contrário, que ele quem queria terminar o relacionamento e o designer não aceitava, o que provocou a luta corporal dos dois que antecedeu o assassinato. A polícia vai cruzar os depoimentos para concluir o inquérito.

Fonte: Uol

Estranho.......

BBB 11: "Rodrigão quer dar o c... e não pode", diz Daniel


No quarto do líder, Maria reclama de Rodrigão para Daniel. “Porque ele fica preocupado com os nossos cigarros?”, pergunta a atriz na madrugada desta terça-feira (15). “Porque quer dar o c... e não pode”, dispara o pernambucano.

“Regula se a gente fuma, se a gente beija alguém... Que saco!”, complementa Maria. “Isso é inveja! Nós somos pessoas que vivemos a vida. Ele não pode fazer o que quer”, comenta o administrador.

“Por que você está irritado hoje?”, questiona a atriz. “Porque eu queria falar algumas coisas e me segurei”, conclui Daniel.

Fonte: Uol