Páginas

segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

Chris Evans deliciosamente sem camisa e bem malhado !

Ryan Reynolds totalmente Pelado

Fazendo a Clarice: Pergunta clássica das Festas de Final de Ano para Gays não assumidos



Dear Clarice

Sou do Rio de Janeiro e tenho 25! Até hoje não namorei ninguém, nem mulher e muito menos homem.
Não sou assumido e não pretendo me assumir tão cedo, pois não é ter coragem ou não de assumir, e sim de ficar confortável em relação das pessoas saberem o que eu realmente curto. Acho que ficaria desconfortável com essa situação. É algo da minha personalidade.
Mas o que é mais chato são essas festas de fim de ano, aonde vc encontra parentes ou amigos que vem com aquela famosa pergunta: "Cadê a sua namorada? Você não vai namorar? Pq vc tá solteiro até hoje?". Porra, será que a pessoa não percebe se eu não estou namorando é pq não arrumei ninguém, não quero ou eu não curto??? Precisa desenhar isso?
Pior ainda são aquelas pessoas que além de não se satisfazerem por vc não ter ninguém, ainda querem de arrumar a fulana ou sicrana, que na maioria das vzs é feia ou chata pra caramba, por isso ela tá encalhada... E o que tenho que fazer? Tentar arrumar uma desculpinha...
Que coisa chata! A pessoa não pode ser solteira pela eternidade? Ou tentar se passar por solteira pq não quer revelar o seu gosto sexual?
Disfarçar a minha solteirice era bem mais fácil qd eu era gordooo, as pessoas não me enchiam tanto o saco, e por incrível que pareça eu me acomodei nisso, pq era uma situação confortável para mim. Mas houve uma época que me interessei por um cara e emagreci bastante, para tentar ficar o mais atraente possível para ele, pois ele era todo malhado, mas nunca rolou pq desisti de ir atrás dele. E agora que eu tô bem visualmente, parece q as pessoas tentam entender o q rola comigo.
Penso que a maioria que não assume passa por essa situação, e eu realmente não sei o que fazer! Já estou ficando velho e não estou nem um pouco afim de me assumir. Acho que só mudaria totalmente de opinião se eu ganhar a Mega da Virada e poder mandar todo mundo se ferrar! hhahaah
Se alguém tiver algumas dicas ou opinião sobre, gostaria de saber.

Bjus, e adoro o blog!
Favor não divulgar meu email!





Caro leitor,


Realmente não é fácil disfarçar a falta de namorada para quem não assume.

E qual opção melhor para o seu disfarce?

Enrolar e enganar uma mulher que você realmente não ama. E ter que passar por uma situação constrangedora na hora do sexo em que você falhar, se não conseguir ter nenhum tesão por ela...

Ficar inventando desculpas at eternity de que você pega a Mulher Invisível?

Ou se livrar dessa cadeia de Nárnia?

Em relação a gay ter uma namorada, eu não sei como ninguém ainda inventou uma comunidade para gays e lésbicas enrustidos que estão precisando arrumar um par fake para fazer um truque diante da sociedade, mas que continuaram pegando em off quem ela realmente tá afim. Que tal montarmos um FaceTruque?

Boas Festas e um Belo Truque para os que vivem em Nárnia.

"Escolher a própria máscara é o primeiro ato solitário do ser humano."

emails para: bananasbusiness@hotmail.com

Marc Jacobs estaria namorando um brasileiro ator de filmes pornô ?

O affair brasileiro de Marc Jacobs...
Marc Jacobs, o bamba da moda, tem uma quedinha pelo Brasil. Depois de uma relação séria com Lorenzo Martone, com direito a passagem pelos trópicos, o estilista teria se encantado por outro brasileiro. Quem é o moço? Harry Louis, um jovem mineiro e ator de filmes pornô (este não é o primeiro namorado de Jacobs do ramo, já houve um gringo do mesmo métier). As informações são do GPS, site de Guilherme Siqueira e nosso radar em Brasília (tá na RG de dezembro, já leu?).

A nota completa sobre o affair do estilista foi dada pelo site GPS:

"Harry Louis é um jovem mineiro que morou em Brasília dos 12 aos 17 anos. Viveu nas cidades satélites do Gama e do Guará por onde acumula boas histórias. Um ano antes de completar a maior idade, mudou-se para a Espanha, onde iniciou a carreira de ator de filmes sensuais.

Em 2006, por conta de uma desilusão amorosa, foi morar em Londres, onde vive até hoje. Na cidade, tornou-se uma celebridade em seu segmento. Sempre que possível, volta ao Brasil para visitar a família e os amigos. Articulado, Harry Louis, nome de trabalho, possui um blog onde divulga fotos pessoais, conta histórias da família, alguns desabafos, e, claro, divulga seu trabalho.

Ainda na internet, Louis acumula mais de quatro mil seguidores no Facebook e na página cita alguns dos seus gostos. Por exemplo, ama todos os livros do bruxinho Harry Potter, provavelmente de onde veio a inspiração para o primeiro nome artístico. É também na rede social, que o jovem revela o seu status de relacionamento. Diz viver uma “amizade colorida”.

Foi na Europa que Louis conheceu uma das celebridades mais importantes do mundo da moda: o estilista Marc Jacobs, que comanda a grife como o seu nome e é diretor artístico da Louis Vuitton. E é de lá do velho mundo que vem o burburinho de que os dois estão vivendo um affair. Aliás, Jacobs adora um brasileiro. Casou-se, mas já se separou, com o publicitário paulista Lorenzo Martone.

O GPS|Brasília conversou com Harry Louis sobre o possível romance que está vivendo com o estilista. Sobre o assunto, ele afirmou: “Não tenho nada a declarar em relação a isso”.

Na imagem em destaque, Harry Louis e o estilista Marc Jacobs posam para foto em Paris. "


Fonte: IG/GPSbrasília

Esses dois caras estão apaixonados?

Acho que o Moreno se deu bem com o loirinho...

this is our year. from Joe M on Vimeo.

Afim de passar o Natal com Jake Gyllenhaal sem camisa em uma base militar ?

Tá com sede?

Glee - Let it Snow com Blaine (Darren Criss) e Kurt (Chris Colfer)

O Volume de Björn Barrefors

Será que fui bonzinho o suficiente para ganhar um presente desses no Natal ?

Walcyr Carrasco conta que teve Famosos chantageados depois de ficarem Nus na Webcam

Um dos maiores micos do ano é história do ator cujo nome começa com K . Foi postado um vídeo do ator num “papo”.

Onde o ator …hum…como dizer…bem, sendo curto e grosso, no vídeo ele aparece batendo uma. Isso que é mico, não? E bota mico!

Há uns dois anos foi a vez de outro famoso passar pelo mesmo mico. Foi um dos “gêmeos”, como são conhecidos no meio artístico, por participações em programas.

Eu não boto culpa em nenhum deles. Todo mundo, na idade adulta, já fez isso alguma vez. Ou muitas. Até com muita frequencia. Enfim, quem nunca praticou sexo solitário? E, nos tempos modernos, com os chats, o sexo mesmo a dois pode ser solitário, porque cada um está num lugar diferente. È complicado, mas acontece assim.

Mas as pessoas esquecem que na internet as conversas e vídeos podem ser gravados. A pessoa do outro lado pode não estar apaixonada. Pode, sim, estar afim de uma safadeza. Gravar e postar. Pior ainda, pode ser um fake.

Há uns dois ou três anos, eu soube, vários famosos caíram no conto da mulher maravilhosa que dava mole pela internet. Foi assim: um sujeito, cuja identidade nunca foi descoberta, conseguiu reunir cenas de um filme pornô com uma garota super sensual. Entrava no bate-papo com um nome feminino. Mas mostrava a imagem da moça. Do seu lado, o ator inocente ligava a camera. Para corresponder, na sua tela aparecia uma mulher deslumbrante.

Eu não sei como ele conseguiu, tecnicamente falando. Mas o hacker conseguia dar a impressão de que a garota respondia ao que o famoso escrevia. Ficava nua. Fazia propostas. Topava tudo. E o famoso, do outro lado, ia pirando. Arrancava as roupas. Botava a mão LÁ. E no final tinha certeza de que tudo acontecera com a garota mais sensacional do mundo.

Dali a um tempo os famosos começaram a receber ameaças. Ouvi dizer que tinham que depositar 50 mil reais numa determinada conta. Quem não fizesse isso teria seu vídeo fazendo “aquilo” postado na internet. Parece que vários depositaram. Quem não depositou, acabou entregue.

Não digo que foi isso que aconteceu com o ator K agora. Mas pode ter sido algo parecido.

O problema é esse. Quando a gente fala com alguém na internet tem a sensação de intimidade. Mas essa intimidade pode ser exibida para milhões de pessoas. Olho vivo!

Que coisa, hem K?

Fonte: Coluna Época

Luiza Marilac resolveu fazer algo de diferente nesse verão... É a Garota da Skol!

Quem nunca teve vontade de trepar em um Cavalete?

Mateus Verdelho de cueca.

Urso quer dar uns pegas no Marco Pigossi ! Quem não ?

Rafael (Marco Pigossi) está cabisbaixo e deprimido no seu canto da cela na prisão, quando leva um susto com um dos presos que chega perto dele. O homem tenta se aproximar do rapaz e pergunta por que ele está tão triste.
O ex-gerente da Fashion Moto tenta ficar na dele, mas o companheiro de cela insiste e tenta agarrá-lo. Então, Rafa explode e dá um soco nele. O preso começa a gritar, um policial chega e aparta a briga. Por isso, eles mudam Rafael de cela, complicando ainda mais sua ficha na polícia.
Esta cena vai ao ar na terça-feira, 20 de dezembro.

Em DVD da turnê "Monster's Ball", Lady Gaga age como criança carente de atenção

Embora exorte seus “little monsters” a se comportar como rainhas na canção “Born This Way”, a própria Lady Gaga não consegue sustentar a personagem estrela do pop no palco. No DVD “The Monster´s Ball Tour at Madison Square Garden”, recém-lançado no Brasil, é possível perceber isso. O show, gravado especialmente para exibição no canal HBO, já começa com cenas de bastidores em preto e branco (alguém aí pensou em “Na Cama com Madonna”?) em que Gaga chora pelo medo de decpecionar seus fãs, de não ser forte o suficiente e uma ladainha impensável na boca de qualquer superstar.
Mesmo assim, a cantilena de Gaga continua por diversas vezes durante o show. É tanta autoafirmação, tanta satisfação, tanta justificativa, que você começa realmente a se perguntar “ora, por que estou assistindo a isso, já que essa pessoa se diz tão comum?” Porque esse discurso não passa de estratégia para chamar a atenção. Gaga sabe que ela é uma estrela, pois gaba-se o tempo todo de ter lotado o Madison Square Garden, mas ao mesmo tempo precisa fingir essa proximidade do nicho dos párias que estão ali a delirar a cada grito, a cada figurino incrível (sim, seus figurinos, embora rebuscados, são incríveis) e a cada discurso demagogo como “odeio dinheiro”.

Essa pretensa proximidade, talvez fruto da sociedade das redes sociais, apenas enfraquece sua aura de estrela durante o show, que tem como seu ponto alto os excelentes hits da cantora como “Telephone”, “Poker Face”, “Love Game”, "Bad Romance" e “Born This Way”.

Outro ponto que enfraquece a performance de Gaga, que já não é grande coisa comparada à de seus próprios bailarinos, são as cenas de bastidores no meio da edição do DVD. Além de tirar qualquer possibilidade de fantasia do espectador do show (não vamos a shows para esquecer a realidade?) essa estratégia parece mais uma vez querer provar ao público que Gaga é uma espécie de tutorial da estrela pop, pois, na palavras dela, não se deve deixar que nos façam crer que não somos capazes de ganhar um Grammy.

Conforme a apresentação avança, Gaga segue ora se gabando (por estar na HBO), ora se fazendo de vítima: “Cresci a 20 quadras daqui e passei mês após mês, ano após ano vendo os nomes sendo suspensos na marquise e eu sonhava que um dia meu nome estaria escrito em luzes”. Durante “Speechless” (que significa “sem palavras”), mais discurso: Gaga ironiza os que disseram que sua voz era muito pop, que ela nunca seria a estrela principal. Nos extras, que mostram os bastidores do show, tudo em preto e branco, claro, ela repete o mesmo texto para Liza Minelli.

Estrelas pop não dão discursos, dão performances, mal nos olham nos olhos, são distantes, enigmáticas, misteriosas, excêntricas e nunca dão satisfações. Por isso nós as amamos, por não serem comuns. Nesse ponto, Lady Gaga ainda tem muito a aprender. Quer fazer tudo ao mesmo tempo agora e não faz nada direito, nada por completo, nada com profundidade. Começa a tocar piano, para no meio para discursar, aí não sabe se dança, se toca, se vira no avesso, se quer ser comum, se quer ser famosa... O show é uma bagunça, quando não uma terapia em grupo em que apenas uma pessoa fala. É uma pena ver que uma das maiores estrelas pop dessa década deixa sua carência se sobrepor a seu talento.

Fonte: Uol

Keanu Reeves tira a camisa

KeanuReeves, mas 2012 será melhor! ;)

Chris Brown tá com calor



Chris Brown feat K-Mac "Strip" from Riveting Entertainment on Vimeo.

Gay-Lites para um Natal mais iluminado!

O seu vai ficar piscando a noite inteira!
Gay-Lites, iluminando desde 1970!