Páginas

segunda-feira, 12 de março de 2012

O Pênis, Pau, Pinto, Cacete excitado do Rafael Cardoso



Nem precisa, mas para não perder o costume...



Deputado e pastor ataca na Câmara, Conselho de Psicologia por barrar cura gay


O deputado e pastor Marco Feliciano (PSC-SP) ocupou a tribuna da Câmara dos Deputados na última semanas para fazer um pronunciamento no último dia 7 “para denunciar uma ditadura que se instalou no Conselho Federal de Psicologia (CFP)”. O parlamentar se refere à resistência do CFP em autorizar a realização de terapias que “curam” gays de sua homossexualidade.

A questão é alvo principal de projeto de lei de outro deputado, João Campos (PSDB-GO), também evangélico. Marco Feliciano defendeu em seu discurso na Câmara que “não pode o Conselho continuar a tratar os psicólogos como se fossem profissionais incapazes de discernir o que é melhor para o exercício profissional”. Confira o discurso:

"Sr. Presidente, Sras. e Srs. Deputados, uso desta tribuna para denunciar uma ditadura que se instalou no Conselho Federal de Psicologia. Não é a primeira vez que manifesto sobre esse Conselho, mas agora as declarações do Presidente daquele Conselho, Senhor Humberto Verona, quando critica Projeto de Lei que tramita nesta Casa de Leis, pretende com isso desviar o foco para o Legislativo. Lembro ao Senhor Presidente do Conselho Federal de Psicologia, que as Leis que criaram os Conselhos saíram desta Casa, e, tem como escopo trazer o melhor para a maior quantidade de pessoas, e se, a sociedade que é dinâmica em outro momento sentir necessidade de aprimorar os diplomas legais, a iniciativa tem de partir desta Casa de Leis e a maioria aqui representada vê seus anseios correspondidos.

Declarações desse tipo, como a manifestada, pelo Presidente do Conselho Federal de Psicologia, só afronta as Instituições, com isso desacreditando sua própria Instituição, pois quem exterioriza descontentamento com possíveis Leis que venham a ferir seus interesses, se caracteriza como uma pessoa autoritária. Devo lembrar ao Senhor Humberto que os Conselhos profissionais foram criados para aprimorar as relações profissionais com o povo e não para manipular seus filiados com posições maniqueístas e enfatizando as políticas de cunho ideológico.

A assertiva de que homossexualismo não é doença é polêmica, pois o médico Psiquiatra Dr. Marcelo Caixeta, afirma que quem pode determinar se é doença ou não, não é o Conselho de Psicologia e sim o médico e segundo o Dr. Caxeta, ao definir se a homossexualidade é ou não doença, o Conselho de Psicologia estaria extrapolando suas atribuições. Além disso, afirma o Psiquiatra, o Conselho não pode legislar sobre o que o profissional faz 'como o médico, o psicólogo deveria poder adotar o tratamento que quiser'.

Não pode o Conselho continuar a tratar os psicólogos como se fossem profissionais incapazes de discernir o que é melhor para o exercício profissional. Aconselho esse referido Senhor, a não comprar briga com seus próprios colegas e que se abra o diálogo, para de uma vez por todas resolver esse imbróglio e que voltem esses profissionais ao trabalho, tão importante, para todos que precisam de cuidados, cessando essa demanda que tem ocupado cada vez mais espaço na mídia, mas de forma negativa, pois o que se vê é total falta de sintonia entre os membros de tão honrosa profissão, que é a dos Psicólogos. Muito obrigado!"

Fonte: Uol


Soraya Travecão soube do Projeto da Cura Gay e ficou bastante revoltada...

Mais fotos do Matheus Mazzafera nu na G Magazine...

Grant Gustinm de Glee, sem camisa em caminhada

Victor Pecoraro, Diogo Nogueira e Marco Antônio Gimenez no jogo de futebol

Ricky Martin falou a "The Advocate" sobre os filhos e fez elogios ao namorado, Carlos Gonzalez

Ricky Martin é a estrela da edição mais recente da revista "The Advocate". Além de posar para a publicação, o cantor falou sobre os filhos, Matteo e Valentino, vida pessoal e fama. "Fui seduzido pela loucura e pela fama", admitiu o porto-riquenho, que afirmou ainda que a paternidade o ajudou a levar uma vida mais estável.
"Tudo o que eu faço agora é baseado nas necessidades deles. Eu não quero parecer clichê, mas eles me ensinam coisas novas todos os dias", comentou o cantor, que falou sobre os perigos da fama.

"Não é fácil lidar com a fama. Tenho muita sorte de estar cercado por pessoas maravilhosas e que são honestas, ou seja, vão me dizer quando eu estou errado e parabenizar-me quando eu estou certo", afirmou o cantor, que também se derramou em elogios para o namorado, Carlos Gonzalez, sobre o qual normalmente tem uma postura mais discreta.

"Eu o acho tão sexy. Ele é muito inteligente, e sai de casa todos os dias de terno e gravata, o que é tão sensual. São dois mundos diferentes, o dele e o meu. Sei tanto sobre o dele quanto ele sobre o meu, o que é muito legal", afirmou.

Ownnn....

Carlos Gonzalez, temos que ter uma conversa!
Só há lugar para um...

Carlos Machado sem camisa no campo de futebol

Ex-BBB Rodrigo faz cara de mau e mostra tanquinho

Jake Gyllenhaal na sauna


Poderia estar pelado...

Daniel Erthal sem camisa durante o jogo de futebol

Madonna: "Já era apaixonada pelo Brasil antes de Jesus"

Madonna concedeu entrevista ao "Fantástico" para promover o filme "W.E. - O Romance do Século", seu segundo trabalho como diretora. O longa, que estreou sexta no Brasil, recebeu críticas ferrenhas em todo o mundo, mas acabou levando o Globo de Ouro de melhor canção este ano.

"Queria deixar claro que bem antes de conhecer o Jesus eu já era apaixonada pelo Brasil", disse ela à jornalista Monalisa Perrone, se referindo ao namorado que conheceu quando fez turnê pelo País, em 2008, e protagonizou um ensaio para a revista "W".

Atualmente, Madonna namora o dançarino Brahim Zaibat, que fará parte de seu novo espetáculo quando ele estrear em maio, em Israel.


e mais...






Madonna posta foto segurando armas ao lado de dançarinos


Madonna continua a todo o vapor com os ensaios da turnê "MDNA 2012", que estreia em Israel no final de maio e deve passar pelo Brasil entre novembro e dezembro.

Depois de mostrar os hematomas que ganhou no domingo (11), a cantora agora colocou uma imagem em que aparece ao lado de seus dançarinos carregando armas de fogo. "Adivinhem qual música estávamos ensaiando?", perguntou.

Madonna, muito provavelmente, estava falando de "Gang Bang", música produzida pelo artista Mika que fala sobre uma desilusão amorosa e a vontade da cantora de balear seu amante.

Pela primeira vez, Madonna tem escutado seus fãs antes de inaugurar um espetáculo. Nesta segunda, ela perguntou qual canção do disco "Like a Virgin" não poderia faltar na turnê.

Fonte: Quem

Com a cara no pênis do Jogador de Rugby

Em jogo de rúgbi na Austrália, jogador do New Zealand Warrior se deu mal em tentativa de parar rival do Parramatta Eels (de azul)

Jogador faz striptease e fica de cueca em concurso de enterradas



Em 2011, Jordan Burger venceu o torneio de enterradas do NBB ao tirar a camisa durante a cravada. Neste ano, o ala do Minas ousou ainda mais. Fez um completo striptease, ficou apenas de cueca e completou a manobra.

A enterrada inusitada rendeu nota 10 de todos os membros do júri, formado pela atriz Christine Fernandes, o apresentador Tiago Leifert, o narrador Robby Porto, o ex-jogador Vargas e o técnico Demétrius.

Jordan não levou o título desta vez, mas arrancou suspiros do público feminino presente ao ginásio Pedrocão, em Franca.