Páginas

terça-feira, 11 de junho de 2013

Volume na calça do Daniel Boaventura


Será que tá duro ou é apenas Volume do Pênis Mole dele?



Contribuição do leitor via e-mail:

Oláaa... Domingo eu estava assistindo Domingão do Faustão quando nos bastidores da dança do Daniel Boaventura na dança dos famosos me depareeei com a bagagem do Daniel! 

Espero que façam uma postagem, caso fizerem, me identifiquem como D.N. 

Segue no anexo as fotos! 

Bjs e parabéns pelo blog!

Mega Volumão no short do Jogador Neven Subotic

6 Momentos Inesquecíveis Gay de True Blood

Ex-ex-BBB Yuri de sunga na praia com os amigos

Gerard Butler mostra que é um Passivo Poderoso !

Amor à Vida : na atuação, Gay do Bem perde para o do Mal !

Félix salgou a ceia do chef Niko. Tudo bem, o jogo é duro, mas Niko, o gay do bem que estreou na semana passada em Amor à Vida, desponta como uma sombra pálida de Félix, a "bicha má" da novela. Se o vilão vivido pelo ator Mateus Solano angariou popularidade em poucos dias e deu visibilidade à nova trama das nove da Globo, Niko deve passar despercebido, quando muito. A atuação de Thiago Fragoso, comparada à de Solano, é over. O ator exagera na afetação e não soa natural, além de sustentar um penteado de gosto duvidoso.

Em cena exibida no último sábado, Fragoso exibiu todo um catálogo de trejeitos afetados. Ao receber em casa a amiga de infância Amarilys (Danielle Winits), que vai ajudar o sushiman a ter um filho com o namorado, o advogado Eron (Marcello Antony, em interpretação na medida), por reprodução assistida, e se tornar o vértice de um triângulo amoroso no folhetim, Niko levantou as mãozinhas, agudizou a voz, pegou nos peitos da amiga e desmunhecou, tudo um tom acima.

Foi assim o "ó do borogodó", para usar uma expressão empregada por Félix no capítulo desta segunda-feira. A bicha má, aliás, segue se consolidando como grande personagem da novela. Depois de receber homenagens dos internautas que a colocaram, em uma montagem, recebendo a coroa de Carminha (Adriana Esteves), de Avenida Brasil, o personagem conta agora com mais de vinte páginas dedicadas a ele, só no Facebook.

Fonte: Veja

Marido de Ana Hickmann comemora perda de peso com foto sem camisa


'Até que enfim cheguei no peso 101kg... 6kg de pura barriga pro espaço', escreveu Alexandre Corrêa no Instagram.

Parlamento russo aprova lei que bane apologia à homossexualidade


O Parlamento russo aprovou nesta terça-feira (11) uma lei que estigmatiza a comunidade gay e proíbe a distribuição de informações sobre homossexualidade para menores de idade. Houve protestos contrários e favoráveis à lei em frente ao Parlamento em Moscou e ativistas foram detidos.


Foram 434 votos a favor, nenhum contra e apenas uma abstenção. A lei foi apoiada pelo Kremlin. O texto impõe pesadas multas para quem fizer apologia fornecer informações sobre gays, lésbicas, bissexuais e transexuais para menores de idade.


A lei ainda precisa ser aprovada pela Câmara Alta e assinada pelo presidente Vladmir Putin – o que deve ocorrer sem problemas.


A medida é parte de um esforço para promover valores tradicionais russos contra o liberalismo ocidental. O governo e a Igreja Ortodoxa veem os valores ocidentais como corruptores da juventude do país.

Fonte: G1

Porn XXX - The Walking Dead: A Hardcore Parody


Você sabe que existem versões pornôs das maiorias das grandes séries e filmes. Porém ainda faltava uma versão hardcore da maior série dos últimos tempos, The Walking Dead.

Segundo o site Beyond Hollywood, o filme sai no final do mês em DVD e Blu-ray. A paródia tem no elenco Jessie Lee, Skin Diamond, Brittany Lynn, Nikki Hearts, Phoenix Askani, o garanhão Tommy Pistol, a dona da festa Joanna Angel, além de muitos figurantes. O filme já atraiu uma certa polêmica por ter um ator não asiático interpretando o coreano Glenn. Sobre o assunto, Joanna Angel escreveu: “Tudo bem, eu sei que alguns de vocês imbecis se ofenderam com a escolha de um ocidental para interpretar um asiáticos, porém Danny é um membro importante da família BurningAngel e eu realmente o queria neste filme – e ele tem várias similaridades ao Glenn e faz muito sentido ele interpretar o personagem.” Para por um ponto final nessa polêmica, Angel escreveu “Não fiz isso para fazer piada com qualquer raça – fiz isso pois é uma paródia. Então todos vocês sensíveis: se acalmem.”

Fonte: Universo Zumbi

Agnaldo Timóteo chama Daniela Mercury de imoral e perversa, e rebate críticas de Pepê e Neném: ‘Paguei o aluguel delas’


Aos 76 anos, Agnaldo Timóteo diz que virou um ferrenho defensor da moral e dos bons costumes. E não poupa esforços para isso. Em conversa com a Retratos da Vida nesta terça-feira, ele voltou a criticar a atitude de Daniela Mercury em assumir sua homossexualidade e apresentar a namorada no programa "Encontro com Fátima Bernardes", na semana passada.

"Não tenho nada contra os gays, até porque sei que isso não é doença, é opção de cada um. Mas ela ir a um programa às 10h da manhã e apresentar a outra como a sua esposa é demais. Ela é homem por acaso para ter mulher? Mudou de nome? Se chama Mário? Tem bilau? Falar e beijar a mulher num horário em que tem muitas crianças assistindo TV é demais. Minha filha de seis anos e meio assistiu àquilo. Temos que defender a mentalidade pura das nossas crianças", criticou Agnaldo.

Homossexuais assumidas, as irmãs Pepê e Neném defenderam a cantora baiana e criticaram a postura de Agnaldo. "Ele não deveria se meter na vida dos outros", alfinetaram as gêmeas, para ira de Agnaldo, que não gostou nadinha desse posicionamento. "Não esperava essa atitude delas. Até porque, paguei, por diversas vezes, o aluguel das duas, impedindo que elas fossem para o olho da rua", retrucou o cantor.

Para Agnaldo, a atitude de Daniela Mercury em assumir o namoro com a jornalista Malu Verçosa teve dois lados: "Do ponto de vista promocional, ela deu um golpe de gênio. Ela aproveitou que o deputado Marco Feliciano estava sendo massacrado pelo sociedade e se promoveu na carreira. Já do ponto de vista moral, ela deu uma grande demonstração de imoralidade. Ou seja, como marketing promocional, nota dez. Como conduta moral, nota zero. Daniela Mercury é perversa, desonesta, cínica e demagoga. E o que ela está fazendo para se promover é ridículo".

Agnaldo também aproveitou para rebater os boatos de que ele seria homossexual. "Estão me mandando sair do armário. Mas Alguém já me viu agarrado com homem, beijando homem? Não sou gay", esclareceu.

Fonte: Extra



20 Maneiras de dizer para os seus Pais que você é Gay !

Com bate-boca, votação de projeto sobre 'Cura Gay' é adiada novamente

Pela quinta vez consecutiva num prazo de dois meses, a comissão de Direitos Humanos da Câmara adiou a votação de projeto que permite aos psicólogos promover tratamento com o objetivo de curar a homossexualidade.
A proposta, conhecida como "cura gay", era a única na pauta do grupo nesta terça-feira (11), mas a conclusão do debate foi adiada com o início da votação no plenário da Casa.
O projeto de decreto legislativo, de autoria do deputado João Campos (PSDB-GO), suspende dois trechos de resolução instituída em 1999 pelo Conselho Federal de Psicologia. O primeiro trecho afirma que "os psicólogos não colaborarão com eventos e serviços que proponham tratamento e cura das homossexualidades".
A proposta anula ainda artigo da resolução que determina que "os psicólogos não se pronunciarão, nem participarão de pronunciamentos públicos, nos meios de comunicação de massa, de modo a reforçar os preconceitos sociais existentes em relação aos homossexuais como portadores de qualquer desordem psíquica".
Na justificativa do documento, Campos afirma que o conselho "extrapolou seu poder regulamentar" ao "restringir o trabalho dos profissionais e o direito da pessoa de receber orientação profissional".


BATE-BOCA

Durante a sessão, houve discussão entre o presidente da comissão, o pastor Marco Feliciano (PSC-SP), e o deputado Simplício Araújo (PPS-MA), autor de requerimento apresentado hoje pedindo a retirada do projeto da pauta.
O requerimento foi rejeitado pela maioria dos presentes e Araújo voltou a pedir a palavra. Feliciano, no entanto, desligou o microfone do congressista após alguns minutos. "O senhor está tolhendo a minha palavra. (...) Eu quero registrar que isso aqui é uma ditadura", reclamou Araújo.
Feliciano argumentou que o deputado teria tempo para argumentar sobre o projeto num próximo momento, durante a votação da proposta. "Assim que chegar o seu momento vou deixá-lo", disse o presidente da comissão.


Mais tarde, Araújo teve direito a 15 minutos de fala. O deputado argumentou ser necessário maior número de audiências públicas sobre o assunto e de debate na comissão.
"Eu acho que o projeto é serio, foi pejorativamente apelidado de "cura gay", e acho que precisamos de um carinho especial sobre o que estamos fazendo aqui. Vamos dar vazão a uma matéria que não vai passar pela Comissão de Constituição e Justiça, com toda certeza", disse Araújo.
Feliciano rebateu a afirmação do colega. "Ele tem bola de cristal para saber o futuro? As outras comissões têm pessoas contrárias e pessoas favoráveis", disse. O pastor afirmou que, se for permitido pelo regimento interno da Casa, pode convocar sessão extraordinária amanhã para concluir a votação.

Fonte: Folha