sexta-feira, 27 de julho de 2012

Beijo grego: Como colocar a língua adequadamente no ânus / cu de um Homem

Talvez você também já tenha sentido vontade de acariciar, beijar e morder levemente o bumbum dele. Ou até pensou em ir mais a fundo e fazer tudo isso também (e principalmente) no alvo, ou seja, no ânus. Quer saber de uma coisa? O seu bonitão só tem a ganhar com o ousadíssimo beijo grego - uma prática comum na Grécia antiga e também conhecida como anilingus. A região anal é uma zona erógena supersensível e, ao ser estimulada por seus lábios e língua, fará com que ele suba pelas paredes de tesão. Mas, sonde o terreno antes. É que muitos rapazes consideram o lado B proibido e nutrem preconceito em relação a qualquer manipulação mais intensa ali.

"Na cultura brasileira, admitir que gosta de ser lambido ou beijado no ânus é praticamente sinônimo de homossexualidade. Mas trata-se de uma grande bobagem e um mito", esclarece Alexandre Saadeh, doutor em psiquiatria pela Universidade de São Paulo (USP), especialista em sexualidade humana e professor da PUC-SP. "Essa zona é estimulável sexualmente e pode gerar satisfação intensa. Deixando claro: ser homossexual é sentir desejo por alguém do mesmo sexo. Ter prazer na região anal não faz ninguém mudar de opção sexual", reforça Saadeh. Uma ideia para convencê-lo é enviar esta reportagem para ele ler agorinha mesmo!

Virando o disco

Pode ser que o seu homem, cabeça feitíssima, aceite de bom grado mais essa fonte de prazer! Mas, se não for assim, melhor não ir com sede demais ao pote. Além de conversar sobre a fantasia, conquiste terreno com jeitinho, a cada relação sexual. Por exemplo: pode massagear o bumbum e aproximar os dedos da região anal para estimulá-la ou fazer um caminho de beijinhos descendo os lábios até a região inguinal - entre os testículos e o ânus. Então, vendo sua empolgação e sentindo prazer, é bem provável que ele reconsidere e concorde que essa é apenas mais uma loucurinha para curtirem juntos - sem neuras, sem encanações. Quer deixar a noite de estreia com gosto de quero mais? Leve coadjuvantes para a cama. "Vale derrubar champanhe no pênis para fazer sexo oral e usar como desculpa para chegar até o ânus", sugere Saadeh. Qualquer item comestível será bem-vindo - de chantilly a calda de chocolate! Ele pediu bis? Avise o bonitão que é só o começo. NOVA montou um cardápio de manobras tão deliciosas que até os gregos vão querer provar. Quer ver?


Beija-beija turbinado

Coloque seu gato em uma posição confortável, de pé ou deitado de costas. Comece a atiçá-lo com um sexo oral caprichado. Aí, com a língua, percorra a área inguinal pelos dois lados, descendo pelos testículos e sugando-os levemente, depois lambendo. Se for tudo bem até aí, faça com que ele vire de barriga para baixo e experimente beijar o ânus dele com movimentos ritmados e precisos. Ao mesmo tempo, segure o pênis.Continue beijando, lambendo toda a área , enquanto o masturba numa velocidade cadenciada. Seu amor vai de-li-rar de prazer!


Tailandesa com bônus

Numa outra transa, deixe o mocinho deitado de barriga para baixo e fique nua. Massageie as costas e o bumbum dele. Faça movimentos circulares com as palmas bem abertas - se preferir, use óleo ou creme para deslizar melhor. Na sequência, coloque força nos dedos com pequenas pinçadas. Alterne manobras suaves com outras mais contundentes. Aproveite que está nua e esfregue os seios - especialmente os bicos - onde conseguir: nas pernas, nos braços, nas laterais do corpo dele... Depois, com a boca, vá beijando e lambendo orelhas, pescoço, costas, cintura, bumbum... Aí, monte nas costas dele e beije o ânus. Seu homem, que já estava todo atiçado, vai agradecer


Siga o mestre

Agora que já estão para lá de iniciados na técnica, que tal fazer a brincadeira virar mútua? Proponha o jogo de "siga o mestre" e diga a ele que repita em você as carícias que fizer nele durante o 69. Explore a região entre os testículos e o ânus. Sugue, lamba, beije e invente o que estiver com vontade no território proibido. Vai ser uma loucura - afinal, você ganhará de volta essa avalanche de estímulos. Daí, troquem os papéis: ele será o mestre e você a melhor aprendiz do mundo.

Fonte: Nova

Um comentário:

Anônimo disse...

"Deixando claro: ser homossexual é sentir desejo por alguém do mesmo sexo. Ter prazer na região anal não faz ninguém mudar de opção sexual", tem q frisar essa parte, pq parece q alguns aqui do blog confundem alhos com bugalhos..